Seminário e Oficina mobilizam a CRSANS de Bauru

Postado em: 23/11/2016 ás 16:37 | Por: erick

Encontro em Bauru reúne nutricionistas, assistentes sociais, profissionais ligados às áreas de Educação e Ciências Agrárias e produtores rurais para discutir as políticas públicas que envolvem o tema.O I Seminário e Oficina de Segurança Alimentar e Nutricional realizados pela Comissão Regional (CRSANS) de Bauru, uma das 16 que compõem o Conselho Estadual de Segurança Alimentar e Nutricional Sustentável (Consea-SP), órgão consultivo do Governo do Estado de São Paulo, vinculado à Secretaria de Agricultura e Abastecimento, foram realizados no dia 22 de novembro de 2016, no campus da Universidade Sagrado Coração, sob coordenação de Marco Aurélio Parolin Beraldo, integrante da Comissão Regional e diretor do Escritório de Desenvolvimento Rural (EDR) de Bauru.

De acordo com Marco Beraldo, o objetivo dos eventos era divulgar informações sobre Segurança Alimentar e Nutricional e favorecer a troca de experiências entre conselheiros e representantes da sociedade civil e poder público. “Durante os encontros, nós ressaltamos a importância de criar ou reativar os conselhos, uma vez que, através deles, os municípios podem acessar às políticas públicas existentes, tanto no âmbito estadual quanto federal, para ampliar as ações de fortalecimento do Sistema de Segurança Alimentar nos municípios ”, afirmou, o diretor do EDR, que também apresentou a palestra sobre o Sistema de Compras Públicas pela Agricultura Familiar.

A professora Mônica Schiavinatto apresentou a Oficina de Multiplicadores do Sistema Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional (Sisan), evento idealizado em parceria com a Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” (Unesp), dirigido a gestores públicos, membros ou aspirantes a conselheiros nos Conselhos Municipais de Segurança Alimentar e Nutricional.

Participantes avaliam evento

Adriana Puccini, secretária-executiva do Conselho Municipal de Segurança Alimentar e Nutricional, avaliou o encontro como muito exitoso. Para ela, é importante que o Consea-SP dê continuidade ao processo de capacitação, realizado em conjunto com as comissões regionais, enfocando a realidade de cada município, além de sensibilizar os novos gestores municipais, que estarão assumindo seus mandatos em janeiro de 2017. “Os prefeitos precisam se conscientizar da importância dos conselhos, sem os quais não é possível continuar o trabalho junto à Caisan (Câmara Interministerial de Segurança Alimentar e Nutricional) nem aderir ao Sisan”, afirmou.

De acordo com José Valverde Machado Filho, secretário-executivo do Consea-SP, os eventos estão sendo realizados em um momento muito especial, tendo em vista a orientação do governador Geraldo Alckmin para que o tema seja tratado a partir de uma visão sistêmica e olhar de longo alcance, compreendendo as diversas variáveis que envolvem o conceito de Segurança Alimentar, não apenas no que fiz respeito ao combate direto à fome, mas também as diferentes interfaces com a saúde, agricultura, envolvendo o desperdício de alimento, o fomento à agricultura familiar e à produção orgânica. “O Consea-SP fortalece sua ação em Bauru e região atendendo à política implementada pelo secretário de Agricultura, Arnaldo Jardim, de que a relação entre o Conselho e suas comissões regionais seja próxima, mobilizando municípios e a sociedade civil para que sejam protagonistas na construção da agenda da Segurança Alimentar e Nutricional Sustentável”, ressaltou Jose Valverde.

Os eventos, conduzidos pela diretora técnica do Consea-SP, Rudinéia Carla Augusto, contaram com a presença de 61 participantes, entre os quais estavam: Vânia Cristina Lamônica, presidente do Consea Bauru e Darlene Martín Tendolo, secretária do Bem-Estar Social do Município.

A CRSANS é composta por 39 municípios: Agudos, Arealva, Avaí, Balbinos, Bariri, Barra Bonita, Bauru, Bocaina, Boracéia, Borebi, Cabrália Paulista, Cafelândia, Dois Córregos, Duartina, Getulina, Guaiçara, Guaimbê, Guarantã, Iacanga, Igaraçu do Tietê, Itaju, Itapuí, Jaú, Lençóis Paulista, Lins, Lucianópolis, Macatuba, Mineiros do Tietê, Paulistânia, Pederneiras, Pirajuí, Piratininga, Pongaí, Presidente Alves, Promissão, Reginópolis, Sabino, Ubirajara e Uru.

Por: Nara Guimarães

Galeria do Flickr

Nenhuma imagem disponível.

Galeria do Site

Nenhum áudio disponível.

Informações:
Assessoria de Comunicação
Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo
(11)5067-0069

Acompanhe a Secretaria: