Secretaria de Agricultura e Abastecimento realiza leilão de Reprodutores e Matrizes linhagem IZ

Postado em: 10/09/2019 ás 18:08 | Por: Adriana Luiza Costa de Almeida


Ao falar em produção de carne no Brasil, o estado de São Paulo é considerado um grande exportador de tecnologia nesta área, e a Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo, por meio do Instituto de Zootecnia (IZ/Apta), é um dos órgãos de pesquisa que contribui para a eficiência do processo de seleção e uso de material genético melhorado para produção de carne. Para a transferência dessa tecnologia, o IZ realiza, dia 12 de setembro, às 11 horas, o tradicional Leilão de Reprodutores e Matrizes IZ, no Centro Avançado de Pesquisa de Bovinos de Corte do IZ, em Sertãozinho (SP).

No leilão serão comercializados 72 reprodutores das raças Nelore, Guzerá e Caracu e 41 matrizes das raças Nelore e Guzerá. A venda será presencial e ao vivo pelo Canal do Boi, com o apoio da Central Leilões.

Para maior competitividade, o Programa de Melhoramento Genético do IZ procura atender com excelência as demandas dos pecuaristas. Touros e matrizes das raças Nelore, Caracu e Guzerá, de comprovado valor genético para características de crescimento, podem ser adquiridos no leilão pelos diversos criatórios do País. Todas as informações dos animais são compartilhadas com criadores.

O trabalho do IZ está relacionado à sustentabilidade, pois quanto mais eficiente o sistema mais sustentável é a produção. “As tecnologias visam maior ganho de peso em um sistema mais eficiente, ou seja, mais carne com menor custo de produção”, ressalta a pesquisadora Joslaine Cyrillo, diretora do Centro de Pesquisa.

Mas afinal, como o prato do brasileiro é impactado pelo uso de touros e matrizes de alto valor genético para características de crescimento? “Essas tecnologias garantem carne de melhor qualidade e de menor custo. Bezerros de touros selecionados crescem mais rápido, aproveitam melhor o pasto e são abatidos mais jovens, garantindo carne mais saudável, mais macia, e mais barata, já que os animais permanecem menos tempo no rebanho”, detalha a Joslaine.

Segundo Joslaine, a genômica é outra ferramenta que coloca a pecuária em um novo patamar, garantindo o uso dos melhores animais para serem touros e matrizes. “Agregamos a tecnologia genômica – que exige um banco de dados bem estruturado, composto por informações genealógicas, fenotípicas e genômicas dos animais –, que contribui para redução de riscos, viabiliza a seleção de características de difícil mensuração, além de aperfeiçoar os processos de avaliação genética com DEPs (diferença esperada na progênie) suficientemente confiáveis, proporcionando lucratividade e qualidade do produto”, explica.

Em nove anos de lançamento dos embriões IZ, em parceria com a CRV Lagoa, já foram comercializados mais de seis mil embriões. Já as doses de sêmen comercializadas somam 400 mil. Todos os animais disponíveis para comercialização são do “Programa de Seleção das Raças Zebuínas e Caracu do Instituto de Zootecnia” e os embriões são do "Programa IZ CRV Lagoa Embryo".

As tecnologias desenvolvidas pela entidade também são utilizadas por outros países. É o caso de sêmen e embriões de bovinos do IZ distribuídos para todo o Brasil e também para diversos países da América Latina, como Bolívia, Costa Rica, Equador, Peru e Paraguai. A comercialização é feita pela CRV Lagoa, parceira do IZ.


Mais informações sobre o Leilão pelo telefone (16) 3475-9140 ou (16) 99111-3936 e e-mail corte@iz.sp.gov.br. O Centro de Pesquisa do IZ fica na Rodovia Carlos Tonanni, km 94, em Sertãozinho (SP).

Por Lisley Silvério (MTb. 26.194)

Assessora de Imprensa
Instituto de Zootecnia
Secretaria de Agricultura e Abastecimento SP
Fone: (19) 3476-0841
E-mail: lisley@iz.sp.gov.br | saacomunica@sp.gov.br
www.iz.sp.gov.br

 

Galeria do Flickr

Nenhuma imagem disponível.

Galeria do Site

Nenhum áudio disponível.

Informações:
Assessoria de Comunicação
Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo
(11)5067-0069

Acompanhe a Secretaria: