Principal evento de Milho Safrinha do país tem início com abertura solene na cidade de Assis

Postado em: 23/11/2021 ás 9:02 | Por: Assessoria de Comunicação

XVI Seminário Nacional de Milho Safrinha tem como tema "Três décadas de inovações: avanços e desafios"

Representando o secretário de Agricultura e Abastecimento de São Paulo, Itamar Borges, o secretário-executivo da SAA, Francisco Matturro, esteve na cidade de Assis (SP) para a abertura do XVI Seminário Nacional de Milho Safrinha, nesta segunda-feira, dia 22.

Hoje, o Brasil é o terceiro maior produtor e exportador mundial do milho safrinha. No Estado de São Paulo, são 500 mil hectares plantados do cereal, correspondendo a metade de todo o milho do Estado. Em todo o Brasil a área chega a 15 milhões de hectares.

"Esse milho um dia foi safrinha, pois hoje 75% da produção nacional de milho é proveniente dele, portanto a denominação ficou pequena por tudo o que produz. Na verdade, é uma segunda safra", disse Francisco Matturro, destacando a importância do milho safrinha, que foi desenvolvido com tecnologia do Instituto Agronômico (IAC) e comemora 30 anos de progresso com a organização do Seminário - o principal desse cultivo no Brasil.

A realização é do Instituto Agronômico (IAC), da Secretaria de Agricultura e Abastecimento de São Paulo, e do Centro de Desenvolvimento do Vale Paranapanema (CDVALE), com promoção da Associação Brasileira de Milho e Sorgo e apoio da Embrapa Milho e Sorgo, Fundag, Embrapa Milho e Sorgo, Coopermota, Consórcio Intermunicipal do Vale Paranapanema (Civap) e CATI-CDRS.

O coordenador da CATI-CDRS, da Secretaria de Agricultura, Alexandre Grassi, exaltou a integração da pesquisa, da extensão, representada pela CATI, das entidades públicas e da iniciativa privada, para o desenvolvimento em conjunto do milho safrinha em São Paulo e no país. Também lembrou que 150 técnicos da CATI estão inscritos no Seminário como forma de fortalecer e atualizar conhecimentos.

O coordenador do evento e pesquisador do IAC, Aildson Pereira Duarte, em sua fala, ressaltou a importância do Seminário uma vez que a área plantada do milho safrinha dobra a cada 8 anos no país e isso acarreta diversos desafios de produção, logística e gestão.

Na ocasião foi ministrada a conferência "Impacto da Safrinha e Perspectivas do Mercado de Milho no Brasil", por Thomé Luiz Freire Guth, superintendente de Logística Operacional da CONAB.

Estiveram presentes na abertura: José Fernandes, prefeito de Assis; Marcelo Pecchio, prefeito de Quatá; Orlando Mello de Castro, Coordenador técnico da SAA; Vinícius Simili, presidente da Câmara de Assis; Sérgio Doná, diretor técnico do Polo Regional Médio Paranapanema da APTA; Cícero Bezerra de Menezes, presidente da Associação Brasileira de Milho e Sorgo; Regina Célia Pires, diretora substituta do IAC, representando o diretor Marcos Landell; Ricardo Kanthack, presidente do CDVale; Edson Fedel, presidente da Coopermota; e Alessandro Grosso, vice-presidente da CAP.

Após a abertura com solenidade presencial seguindo os protocolos sanitários de prevenção contra a covid-19, o evento segue no sistema online nos dias 23, 24 e 25 de novembro.

Galeria do Flickr

Nenhuma imagem disponível.

Galeria do Site

Nenhum áudio disponível.

Informações:
Assessoria de Comunicação
Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo
(11)5067-0069

Acompanhe a Secretaria: