IZ e APTA Regional oferecem capacitação online em sistemas integrados de produção agropecuária e recuperação de áreas com pastagens degradadas

Postado em: 17/11/2021 ás 10:52 | Por: Assessoria de Comunicação

Ao todo, 400 técnicos e pesquisadores participam do treinamento


O Instituto de Zootecnia (IZ-APTA) e a APTA Regional, da Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo, realizam capacitação online em recuperação de áreas de pastagens degradadas e sistemas integrados de produção agropecuária a 400 técnicos da Coordenadoria de Desenvolvimento Rural Sustentável (CATI-CDRS), pesquisadores científicos da Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios (APTA) e integrantes de entidades participantes do Grupo Gestor do Plano ABC (Plano Estadual de Mitigação e Adaptação às Mudanças Climáticas para a Consolidação de uma Economia da Baixa Emissão de Carbono na Agricultura). A capacitação ocorre até 10 de dezembro. Nesse mês de novembro a Secretaria de Agricultura e Abastecimento comemora seus 130 anos.

O treinamento é realizado por meio de convênio firmado entre a Secretaria de Agricultura e o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), destinado à transferência de tecnologia em temas de forja e de importância econômica para o agronegócio paulista e brasileiro.

"A importância desse treinamento é que podemos levar informações e atualizações para os extensionistas da Secretaria de Agricultura. Os temas vão ao encontro da proposta do Plano ABC. A ideia é que ampliemos os conhecimentos e adoção de sistemas de produção sustentáveis ​​e resilientes no Estado de São Paulo ", afirma Cristina Maria Pacheco Barbosa, pesquisadora do IZ.

Ao todo, serão 15 horas de aulas, aproximadamente, realizada por pesquisa da SAA e instituições parceiras, que têm expertise na área de recuperação de pastagens e sistemas integrados de produção agropecuária.

Sistemas integrados e recuperação de pastagens

Estima-se que o Brasil tenha cerca de 130 milhões de hectares com pastagens degradadas, que necessitem de intervenção alguma para reverter o estado que se identificou. Os Sistemas Integrados de Produção são ideais para esses trabalhos, já que preveem o cultivo de pasto integrado com produtos agrícolas e até mesmo florestas. O Brasil conta hoje com cerca de 17,4 milhões de hectares com sistemas integrados de produção agropecuária.

Com esses sistemas, é possível que os produtores consigam até três safras em uma mesma área, não sendo necessário abrir novas áreas de produção. De acordo com os pesquisadores, seu principal benefício é a recuperação de pastagem, essencial para fornecer os nutrientes alimentados à alimentação animal e evitar processos de degradação, como a erosão.

Os Sistemas permitem, por exemplo, a inserção de soja e eucalipto em uma área que antes era usada exclusivamente para pastagem, trazendo melhorias das condições de solo e intensificação da atividade.

Por Fernanda Domiciano

Galeria do Flickr

Nenhuma imagem disponível.

Galeria do Site

Nenhum áudio disponível.

Informações:
Assessoria de Comunicação
Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo
(11)5067-0069

Acompanhe a Secretaria: