Arnaldo Jardim destaca ações para o uso correto de insumos agropecuários, em Congresso da Andav

Postado em: 15/08/2016 ás 17:55 | Por: erick

Arnaldo Jardim destacou que a distribuição feita de maneira correta, com o insumo certo chegando ao campo, reflete diretamente na produtividade (foto: João Luis)O secretário de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo, Arnaldo Jardim, ressaltou o comprometimento do setor de distribuição de insumos agropecuários e as ações da Pasta para promover uma agricultura sustentável, durante a abertura do VI Congresso Andav – Fórum e Exposição, realizado pela Associação dos Distribuidores de Insumos Agrícolas e Veterinários (Andav), em São Paulo, nesta segunda-feira, dia 15 de agosto de 2016.

Representando o governador Geraldo Alckmin, o titular da Pasta paulista destacou que a distribuição feita de maneira correta, com o insumo certo chegando ao campo, reflete diretamente na produtividade, garantindo bons resultados ao produtor e preços adequados para o consumidor. "É preciso agradecer ao distribuidor. São profissionais que fazem uma importante e indispensável extensão rural. Isso é essencial para aumentar a produtividade, e fazer uma agricultura harmônica com o meio ambiente, como nos orientou o governador”, disse.

Arnaldo Jardim lembrou que o setor tem contribuindo para desmitificar que a utilização de agroquímico é prejudicial ao meio ambiente. Ele destacou a parceria firmada com a Associação Nacional de Defesa Vegetal (Andef), durante a 23ª Agrishow 2016, em Ribeirão Preto, para ampliar treinamentos de aplicação de defensivos agrícolas no Brasil, com o objetivo de disciplinar a aplicação de agroquímicos (leia aqui).

O secretário rebateu a comparação muitas vezes feita sobre o uso desses produtos no Brasil com relação a outros países de clima diferente. Ele lembrou que, quando corretamente aplicados, levando em conta as normas estabelecidas e os produtos autorizados, o uso dos defensivos é primordial para a produção agropecuária “ainda mais em uma agricultura feita em clima tropical”, ponderou.

O titular da Pasta reforçou ainda o comprometimento com a sanidade agropecuária, por meio da Coordenadoria de Defesa Agropecuária (CDA), que fará um monitoramento detalhado dos defensivos agrícolas vendidos em território paulista.

O controle será executado pela Coordenadoria, por meio do sistema eletrônico Gestão de Defesa Animal e Vegetal (Gedave). O objetivo é impedir o comércio e o uso de produtos ilegais, que podem causar danos ao meio ambiente e a quem os aplica (leia aqui).

O secretário destacou que a fiscalização e o controle são essenciais para balizar o uso de defensivos. “Não podemos demonizar a ciência e prescindir dos agroquímicos, mas devemos usá-los de forma disciplinada, nas quantidades corretas. No Estado de São Paulo, o governador Geraldo Alckmin sempre nos orienta a fazer uma agricultura que é amiga do meio ambiente, não antagônica a ele”, ressaltou Arnaldo Jardim.

Atuação do setor

Durante a abertura, o presidente do Conselho Diretor da Andav, Salvino Camarotti, ressaltou que a cadeia produtiva precisa se unir para fomentar o setor. “Precisamos caminhar juntos, entidades, Estado, produtores, para planejarmos o futuro do agronegócio”, destacou.

Na oportunidade, o diretor entregou ao secretário Arnaldo Jardim e ao secretário de Políticas Agrícolas do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), Nery Geller, que no ato representou o ministro, Blairo Maggi, uma carta com reinvindicações do setor.

Para o presidente da Andav, Henrique Mazotini, a atenção dada ao agronegócio pelo Governo do Estado de São Paulo é fundamental para que o setor continue se desenvolvendo. “O canal de distribuição é importante para o crescimento do agronegócio brasileiro, e a presença do secretário Arnaldo Jardim é muito representativa, pois ele compreende que o sistema está em sintonia com o Estado, mas principalmente com toda a cadeia produtiva”, disse.

O evento segue com programação em São Paulo até o próximo dia 17, reunindo representantes do setor de distribuição de insumos de todo o Brasil discutindo assuntos como o atual cenário econômico, gestão de pessoas, desenvolvimento colaborativo e a visão que os clientes têm sobre as distribuidoras. O VI Congresso Andav leva ainda ao Transamerica Expo Center, Zona Sul de São Paulo, estandes de produtos e serviços oferecidos por empresas com o objetivo de otimizar o dia-a-dia do homem do campo como defensivos, adubos, sementes, automação e saúde animal.

 Por Paulo Prendes

Galeria do Flickr

Nenhuma imagem disponível.

Galeria do Site

Nenhum áudio disponível.

Informações:
Assessoria de Comunicação
Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo
(11)5067-0069

Acompanhe a Secretaria: