Investimento do Governo de SP aumentará em quatro vezes produção de sementes para agricultura familiar

Postado em: 15/12/2016 ás 17:34 | Por: Hélio Filho

A oferta de sementes de milho e soja para agricultores familiares paulistas mais que quadriplicará na Fazenda Ataliba Leonel, em Manduri. A área da Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo espera produzir, em 2017, 87.500 sacos de sementes - ante os 21 mil de 2016. Em visita à Fazenda na última quinta-feira, 15, o secretário Arnaldo Jardim destacou que esse crescimento auxilia diretamente a produção dos agricultores familiares, que podem adquirir o insumo por um preço até quatro vezes menor do que o praticado no mercado comum.

O aumento se deve a um investimento no valor de R$ 3 milhões feito neste ano pelo Governo do Estado de São Paulo. A verba foi utilizada para aquisição de equipamentos e insumos e a revitalização da fazenda do Departamento de Sementes, Mudas e Matrizes (DSMM) da Coordenadoria de Assistência Técnica Integral (Cati) da Pasta. Para 2018, espera-se aumentar ainda mais a produção e alcançar 121 mil sacos. Atualmente, a Ataliba Leonel desenvolve em seus 3.300 hectares a cultura de 490 hectares de soja e 470 hectares de milho.

“Temos um outro projeto já aprovado que fará também um plantio de uma área de pesquisa de cana em outros 460 hectares, perfazendo, portanto, quase que toda a capacidade produtiva, que é de 1.600 hectares. Eles serão quase que plenamente utilizados”, comemorou Arnaldo Jardim, adicionando que “o maior beneficiado será o agricultor familiar de São Paulo, que tem com isso um apoio para poder desenvolver a sua atividade, como sempre nos orienta o governador Geraldo Alckmin”.

Arnaldo Jardim: o maior beneficiado será o agricultor familiarA canavicultura será realizada utilizando a tecnologia de Mudas Pré-Brotadas, desenvolvida pela Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios (Apta) da Secretaria no Centro de Cana do Instituto Agronômico (IAC). “Serão instalados campos experimentais com pesquisas do programa de MPB do IAC para fazer testes varietais aqui na região de Manduri”, explicou Ricardo Lorenzini, diretor do DSMM.  

A produção do Departamento auxilia a agricultura familiar por oferecer preços menores: um saco de 20 quilos de semente de milho no mercado tradicional custa em média R$ 500. O produtor que adquire nas unidades da Cati as produzidas pelo governo paulista paga 20% deste valor: R$ 90. Para serem comercializadas, elas passam por análise laboratorial, sendo que apenas as que apresentam mais de 85% de germinação vão para venda.

Secretário conheceu o beneficiamento das sementesEssa importância do trabalho realizado pelo DSMM guia seus colaboradores. Há 30 anos trabalhando na Fazenda, o auxiliar José Maria avalia a revitalização da Ataliba Leonel como “algo muito bom. A turma aqui está toda muito contente porque nós vamos conseguir dar uma arribada na nossa produção, oferecer mais sementes para os agricultores que precisam”.

Tecnológica

O secretário Arnaldo Jardim conheceu na quinta-feira os equipamentos adquiridos com os R$ 3 milhões do Governo do Estado de São Paulo e visitou as instalações da Fazenda, desde as unidades de beneficiamento às plantações de soja e milho. A área conta também com uma pesquisa sobre produtividade do eucalipto feita em parceria com a Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz da Universidade de São Paulo (Esalq/USP). A plantação é feita com diferentes espaçamentos para verificar em qual deles a árvore é mais produtiva.

Com culturas diversificadas e aberta a iniciativas conjuntas, a Fazenda Ataliba Leonel recebeu também no dia 15 a visita de coordenadores da Faculdade Eduvale de Avaré. “Nosso intuito é trazer a proposta de uma parceria para que nossos alunos possam desenvolver aqui a parte prática da disciplina. Com a revitalização da Fazenda, e a gente percebe uma vontade muito grande, é importante que as instituições de ensino estejam presentes”, avaliou o professor Luis Rodrigo, coordenador do curso de Agronomia.

Informações sobre a venda de mudas e sementes pela Cati podem ser consultadas clicando aqui.

 

 

Galeria do Flickr
Galeria do Site

Nenhum áudio disponível.

Informações:
Assessoria de Comunicação
Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo
(11)5067-0069

Acompanhe a Secretaria: